Domingo, 13 de Dezembro de 2009

Vamos lá esclarecer uma coisinha

O cronista Paulo Nogueira escreveu o seguinte:

"Quando alguém que amo (e que me ama) me oferece uma prenda, não espero obter aquele objecto que quero e procuro há tempos – isso posso encontrar e comprar sozinho. De quem amo, espero muito mais: receber algo que, até então, eu não sabia que queria. O verdadeiro presente é o que me revela o meu próprio desejo."

 

Eu não vos amo, boa? Contudo, gosto muito de vocês e, por isso, não vos vou dificultar a vidinha...sintam-se à vontade para me oferecem tudo aquilo que sabem que quero. Eu não fico chateada, nadinha! ;p

 

Fora de brincadeiras, eu adoro o Natal mas acho rídiculo o consumismo que vem à boleia desta época. Comprem prendinhas para as criancinhas, para mim e, de resto, tentem ajudar quem mais precisa, é esse o verdadeiro espírito de Natal.

 

publicado por Sofs às 20:28

link do post | comentar | favorito
|

hmm familiar...eheheh

(Carreguem lá em cima, vá)

publicado por Sofs às 17:44

link do post | comentar | favorito
|

...

Queria armar-me em esperta, citar grandes autores, falar da economia, da crise, do Sócrates e do Magalhães.

Queria divagar sobre a justiça portuguesa, o frio de rachar que está, a gripe A, o Benfica, os ídolos e as frequências.
Queria falar-te de series, de filmes, de músicas e de concertos.
Queria falar de tudo e de nada, mas só me sai que te adoro.

 

 

[Queria parar de escrever posts duvidosos e concentrar-me no estudo :p]

 

publicado por Sofs às 02:13

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Dezembro de 2009

Por aqui, ouve-se isto:

 

I wanna breeze and an open mind
I wanna swim in the ocean, wanna take my time for me, all me


So maybe tomorrow, I'll find my way home...

 

 

[Não sei quem foi o otário que inventou a sociologia histórica, mas devia morrer de forma lenta e dolorosa]

publicado por Sofs às 02:41

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2009

=D Christmas' time

"Something about Christmas time
That makes you wish it was Christmas everyday
See the joy in the children's eyes
The way that the old folks smile
Says that Christmas will never go away "

 

Tralalalalala

Sim, já estou em modo Natal. Quem me conhece já sabe, a Sofs normal volta lá para a segunda semana de Janeiro ;p

publicado por Sofs às 23:29

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 8 de Dezembro de 2009

'Ah granda tvi!'

Hoje voltou a acontecer isto.

É por estas e por outras, que eu digo que a tvi foi feita para o Natal.

Volto a repetir: Srs da sic, é favor darem o sozinho em casa dia 24 ou 25 sff!

'Va láááá, eu portei-me bem durante o anoooo'

publicado por Sofs às 17:44

link do post | comentar | favorito
|

Dire Straits

É por esta, e muitas outras músicas, que esta banda está naquela pastinha especial chamada 'discografias completas'.

A love struck Romeo, sings the streets a serenade,
Laying everybody low, with a love song that he made
Finds a street light, steps out of the shade
Says something like, 'You and me babe, how about it?'

Juliet says, 'Hey it's Romeo, you nearly gave me a heart attack'
He's underneath the window, she's singing, 'Hey la, my boyfriend's back
You shouldn't come around here, singing up to people like that'
Anyway, what you gonna do about it?

Juliet, the dice was loaded from the start,
And I bet, then you exploded into my heart,
And I forget, I forget, the movie song
When you gonna realize, it was just that the time was wrong, Juliet?

Come up on different streets, they both were streets of shame,
Both dirty, both mean, yes, and the dream was just the same,
And I dreamed your dream for you, and now your dream is real
How can you look at me as if I was just another one of your deals?

When you can fall for chains of silver, you can fall for chains of gold
You can fall for pretty strangers and the promises they hold
You promised me everything, you promised me thick and thin, yeah
Now you just say, 'Oh Romeo, yeah, you know I used to have a scene with him

Juliet, when we made love you used to cry
You said I love you like the stars above, I'll love you till I die
There's a place for us, you know the movie song
When you gonna realize, it was just that the time was wrong, Juliet?

I can't do the talks, like they talk on the TV
And I can't do a love song, like the way it's meant to be
I can't do everything, but I'll do anything for you
I can't do anything 'cept be in love with you

And all I do is miss you and the way we used to be
All I do is keep the beat, and bad company
And all I do is kiss you, through the bars of a rhyme
Juliet I'd do the stars with you, anytime

Ah Juliet, when we made love you used to cry
You said I love you like the stars above, I'll love you till I die
There's a place for us, you know the movie song
When you gonna realize, it was just that the time was wrong, Juliet?

And a love struck Romeo, sings the streets a serenade,
Laying everybody low, with a love song that he made
Finds a convenient street light, steps out of the shade
Says something like, 'You and me babe, how about it?'
'You and me babe, how about it?'
publicado por Sofs às 01:07

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Dezembro de 2009

Pastilhas elásticas

A mãe da pessoa X ofereceu-lhe uma caixinha destas:

 
Às 16 horas, a pessoa X e a pessoa Z comeram a fita toda de pastilha elástica, na caixinha dizia que era um metro.
A pessoa Z ia morrendo sufocada.
Por outro lado, a pessoa X ria-se e babava-se descontroladamente.
A pessoa X e a pessoa Z fizeram vídeos muito engraçados e parvos que envolviam este metro de pastilha, já amassado.
A pessoa X é fraquinha e já deitou a pastilha fora.
A pessoa Z é fantástica e ainda tem a pastilha na boca, uma hora e meia depois. (Se calhar é por isso que este texto está uma porcaria, efeitos das pastilhas da Kitty…esse e o poder do engate :p)
publicado por Sofs às 17:30

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 6 de Dezembro de 2009

Ah pooois...

Hoje em conversa, surgiu o tema da gripe A.

(Para os leitores que não fecharam imediatamente a janela ao ler ‘gripe A’, os meus parabéns)
A conversa seguiu o seu rumo até que, a dada altura, estavam 4 pessoas com olhares vazios e expressões cabisbaixas a dizer que odiavam o Inverno.
É certo que o frio é chato, as constipações são uma treta (acreditem que eu sei!) e o vento é incómodo mas, sinceramente, há desculpa mais adequada para ficarmos a vegetar do que o Inverno?
‘Ah e tal, eu acho que esse almoço com o primo da tia da mãe vai ser fantástico, mas com esta chuva não vou puder ir…mas manda-lhe um grande abraço’ ou ‘Essa noitada contigo e com os teus amigos aborrecidos, vai ser memorável mas não vai dar, com este tempo, uma pessoa fica deprimida e não é boa companhia’ (tretaaaa!) Não há desculpa mais apetecível, para este tipo de situações.
Por outro lado, as pessoas andam muito mais calminhas, até dá gosto entrar num autocarro de manhã, ou num café à tarde e não ter de saber que a pobre Joaquina anda a lavar escadas, enquanto o marido anda com a loira boazona lá do prédio e que a Rute, filha da dona Gertrudes, está grávida do Manel, filho do padeiro.
E aqueles dias em que estamos em casa, a ver a chuva a cair, com o aquecedor no máximo e a música certa a tocar baixinho? Ou que nos levantamos da cama e nos vamos enrolar numa mantinha a beber um café quentinho, enquanto vemos os primeiros raios de luz a aparecer, no meio do nevoeiro, ou chuva cerrada? São momentos que sabem a mel.
Não me entendam mal, eu gosto do verão, sol, praia, bairradas, mas o Inverno permite-me ser bichinho do mato e não me venham dizer que, às vezes, não sabe bem, que isso é tanga.
 
Se não estão convencidos, tenho uma palavra para vocês: Natal! O Natal é no Inverno e isso chega-me para não o odiar.
publicado por Sofs às 22:32

link do post | comentar | favorito
|

=)

 

 

 
  
As pequenas simplicidades da vida fazem-me feliz.
Desde um olá, a um jogo de basket (muitaaa bom=p), passando por risos sem fundamento, mensagens cutxis e canções calminhas que me acordam para o mundo.
 
 
Bora lá benficaaaa*
publicado por Sofs às 19:28

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

pesquisar

 

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30
31

Posts recentes

2013 e a vida selvagem

Até que a noite mude de d...

Rock n' Roll is all about...

Hoping for the best e at...

O Harrison Ford tem o rab...

Vamos lá ver aqui uma(s) ...

Um adeus ao senhor

Boa semana minha gente

Era Outono

Considerações de um Domin...

arquivos

Dezembro 2012

Julho 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

links

'Neste baile de máscaras onde toda a a gente dança E homem que baila por gosto às vezes perde a esperança Agarro-me ao que posso, quando posso agarrar Faço o meu possível para me tentar orientar Dito as minhas regras, e deixo o fato no armário Podes crer, a mim não me tiram pinta de otário Danço quando quero e controlo bem a batida Porque a vida neste tom às vezes pode ser fodida.'

Pacman...what else? =D

Pac-Man made by Neave Games

>

Contador

Pet Shops
Contador GRÁTIS
blogs SAPO

subscrever feeds